Como fazer .... um canteiro de ervas e temperos

Contato: 
www.chacaradeorganicos.com.br

Meça e demarque o canteiro. Em nosso caso 1,20m x 3,00m (= 3,6m2).
Com estas medidas cada canteiro poderá ter cerca de 10 plantas.
Para facilitar utilize estacas de madeira para determinar os limites.

Ferramentas e equipamentos para fazer o seu cultivo:
Enxada / Enxadão / Pá Curva / Pá de corte/ Sacho/Anchinho /
Mangueira / Regador / Pulverizador / Balde / Bandeja /Carrinho de mão /
Transplantador / Tesoura de poda pequena / Bandeja para Mudas / Luvas / Avental.

Com o enxadão revolva a terra do canteiro demarcado.
Faça as bordas dos canteiros com troncos de eucalipto e estacas de bambu.
Depois do solo revolvido é aconselhável peneirar a terra para extrair todos os torrões.

O clima mais apropriado para o cultivo de plantas aromáticas é um clima ameno
com cerca de uma temperatura média acima dos 15ºC.
Este tipo de plantas dá-se em solo naturalmente acido e para o seu crescimento pleno
terá de receber pelo menos 6 horas diárias de sol directo.

Agora é só regar e adubar a cada 15 dias.

CAMOMILA

Propriedades da camomila:
Adstringente, antialérgica, calmante da pele, clareador de cabelo, digestivo, fortificante, laxante, sedativa, sudorífico. Anti-inflamatório e espasmolítico no muco gástrico e duodenal, cicatrizante, imunoestimulante, anti-bactérico (uso tópico).

Modo de usar
Folhas, por infusão trata a acidez do estômago, alivia a dor de ouvido, catarros, cefaléias, cólica das crianças, cólica do estômago, dor, enxaqueca, espasmo, estimula a menstruação, evita assadura, gases, gripe, inflamação do intestino, serve para lavagem vaginal, evita a menstruação difícil e dolorosa, nevralgias, queimadura do sol, alivia a tensão pré-menstrual.

CARQUEJA

A carqueja tem propriedades digestivas, diuréticas, emolientes, hepatoprotetoras, hipoglicêmicas, tônicas.

Modo de usar
Utilize as folhas da planta por meio de infusão para a Inflamação das vias urinárias, má digestão, má circulação do sangue, icterícia, diabete, febre, anemia, cálculos biliares, diarréia, gota, intestino e fígado, reumatismo, afta, faringite. Para resolver infecções da garganta deve usar a infusão só para fazer gargarejos.

CATINGA DA MULATA
Nome científico: Tanacetum vulgare L

Indicações Terapêuticas
É usada principalmente contra parasitas, e também para hemorróidas, pois é tóxica a vermes intestinais.
A infusão das suas flores é usada como um antihelmintico recomendado contra a àscaris e os oxiuros.

Na sua aplicação externa, o seu azeite é usado para combater o reumatismo.

Outras propriedades erturbações gástricas, lavar feridas, asma, tosse, bronquite, histeria, problemas nos rins, afecções nervosas, problemas menstruais, flatulência, gota, e epilepsia.

CAVALINHA

A cavalinha possui propriedades adstringentes e diuréticas. Ajudam no tratamento da gonorréia, diarreia, infecções de rins e bexiga. Estimulam a consolidação de fracturas ósseas, agem sobre as fibras elásticas das artérias, actuam em casos de inflamação e inchaço da próstata, aceleram o metabolismo cutâneo, estimulam a cicatrização e aumentam a elasticidade de peles secas. É indicada ainda para o combater hemorragias ou cãibras, úlceras gástricas e anemias.

É usada também como hidratante profundo, ajuda a evitar varizes e estrias, limpa a pele, fortalece as unhas, dá brilho aos cabelos, auxilia no tratamento da celulite e também da acne.

CEBOLINHA

A cebolinha é largamente utilizada na cozinha oriental, dando sabor nos legumes fritos, saladas e sopas especiais. Com ela podemos temperar manteigas, queijos, patês, cuscuz, omeletes, etc.
Pode substituir com êxito a cebolinha-francesa (Allium schoenoprasum) em muitos pratos.
A cebolinha é também um excelente repelente e antibiótico, servindo em preparações orgânicas para prevenir pragas e doenças de plantas.

Como cultivar
Deve ser cultivada sob sol pleno em solo fértil, bem preparado, enriquecido com matéria orgânica e irrigado regularmente. A cebolinha vegeta em uma ampla faixa climática, adaptando-se ao frio e ao calor, mas prefere o clima ameno. Na ocasião da colheita, podemos arrancar a planta inteira ou cortar as folhas na base para que rebrote. Multiplica-se por sementes e por divisão das touceiras.

CITRONELA

O cultivo de plantas como a citronela no seu jardim é essencial.
Esta planta, é uma das plantas aromáticas oriunda da ilha de Java, na Indonésia.
A citronela faz parte da gama das plantas aromáticas, eficiente como repelente de insectos.
A planta exala um odor muito agradável e por isso é usada também na indústria de perfumaria.
No entanto, esse odor é extremamente desagradável para os insectos, funcionando assim como um excelente repelente, sem provocar qualquer tipo de toxicidade nos humanos e animais de companhia.

CONFREI
Nome científico: Symphytum officinale L.

Indicações Terapêuticas
Abcessos, afecções ósseas, bronquite (catarral e asmática), cefalalgias, contusão, debilidade, deslocamentos, dores (olhos, costas, músculos), cortes, febre, feridas, fígado, fissuras, fracturas, furúnculos, gastrite, hematomas, hemoptises, hemorragia pulmonar, hepatite, icterícia, indutor da produção calcária, intoxicações gerais, luxações, pele (acne, erupções, espinhas, inflamações, irritações, tecidos necrosados, rugas de expressão, manchas, irritações, lábios secos ou rachados, sardas ), pressão arterial, queimaduras, picadas de insectos, psoríase, resfriados, reumatismo, rins, senilidade prematura, sinusite, tecidos ulcerados, torções, tosse, tromboflebites, tuberculose, úlceras, varizes.

Propriedades medicinais
Adstringente, anti-inflamatória, calmante, cicatrizante, emoliente, hidratante, higienizante, regeneradora celular, anti-anémica, antiasmática, anti-cancerígena, anti-diabética, anti-diarréica, anti-disentérica, anti-hemorroidal, a anti-inflamatório, anti-leucémica, anti-reumática, calmante, cicatrizante, depurativa, desintoxicante, emoliente, expectorante, hemostática, hidratante, higienizante, laxante, mineralizante, mucilaginosa, tónica.

Parte utilizada: rizoma, raiz e folhas adultas (as novas são tóxicas).
Contra-indicações/cuidados: gestantes. A capacidade de acelerar a multiplicação das células se torna um perigo em potencial, quando de células enfermas. No caso de câncer ou mesmo inflamações, aumenta o tamanho da lesão. O confrei é uma planta medicinal que deve ser usada apenas externamente, a não ser sob orientação de um médico ou especialista. As folhas do confrei possuem uma pubescência irritante à pele.

Efeitos colaterais: o uso interno pode provocar intoxicação no fígado, câncer, irritações gástricas, devido aos alcalóides pirrolizidínicos, que também são mutagênicos e pneumotóxicos.

Modo de usar
Uso externo, cataplasma das folhas por decocção:
Inflamações, reumatismo, tromboflebites, afecções da pele, micoses, dermatites, espinhas, hemostático.

- Essência: misturar 1 parte de sumo das folhas em 5 partes de álcool. Aplicar sobre as partes afectadas.
- Cataplasma de 6 g de folhas amassadas ao ponto de pasta e aplicar sobre o ferimento, varias vezes ao dia. Pode-se adicionar glicerina à pasta.
- Emplastro: esmagar as folhas em água morna e aplicar sobre o ferimento 2 vezes ao dia. No caso de contusões e inchaços, colocar o emplastro dentro de um pano antes de aplicar.
- Infusão ou Tisana: 30g de folhas por litro de água; 2 folhas maturas em 2 copos de água quente. Tomar 3 vezes ao dia;
- Compressa: usar por modo de decoção das folhas sobre feridas e queimaduras, várias vezes ao dia;

Observe atentamente as plantas para identificar o ataque de insectos e doenças.

Este anúncio pode ser visto por: 
Todos
Mídias

Comentários

(Sem título)

Voltar

< Anterior

O que é FOME ?

O que é FOME ?

Próximo >

Pic jr.

Pic jr.

Valid XHTML 1.0 Strict CSS válido!